Sem categoria

Fortes chuvas alagam estação de metrô e inundam casas no DF

Ventania entortou árvores; Defesa Civil constatou risco de desabamento no Areal. Inmet emitiu alerta de chuvas intensas

As fortes chuvas que voltaram a cair no Distrito Federal na noite desta quinta-feira (1º) provocaram alagamentos e assustaram moradores de regiões administrativas como Samambaia, Vicente Pires e Águas Claras. A Estação Samambaia Sul do metrô ficou inundada, e parte da rua de acesso ao terminal, debaixo d’água. Em frente ao hospital regional havia ventania.

O morador de Samambaia Norte Anderson Silva registrou uma árvore quase caindo no momento do temporal e da ventania. Além disso, na QR 602, uma calha entupiu e inundou uma residência. O mesmo ocorreu em Taguatinga e Planaltina.

Na rua 3 de Vicente Pires, carros tiveram que dar a volta, porque era impossível enfrentar a rua alagada. Em Águas Claras e Fercal houve queda de árvores. Na chácara 126 do Areal, uma casa ameaçou desabar. A Defesa Civil foi acionada e constatou o risco, por causa do volume de água que se acumulou no local.

Nesta quinta, o Instituto Nacional de Meteorologia voltou a registrar alerta de chuvas intensas para a capital do país. De acordo com comunicado, a situação se mantém até as 11h desta sexta e envolve risco de corte de energia, queda de galhos e leves alagamentos. Os ventos são considerados intensos – entre 40 km/h e 60 km/h.

Mais chuva
Na noite de quarta, uma árvore caiu em cima de cinco carros na lateral da delegacia do Cruzeiro. Chovia e ventava intensamente no momento do incidente. Ninguém se feriu. Entre os carros atingidos estavam duas Kombis – uma delas, usada como depósito de ferramentas de mecânica de automóveis. Apenas o dono de um dos cinco veículos foi encontrado. Bombeiros precisaram serrar galhos da árvore para conseguir avaliar os danos.

Moradores de toda a cidade registraram ainda muitos raios. Na noite de quarta, o Inmet havia emitido alerta de chuvas intensas e grau de “perigo potencial” para o DF. Em situações do tipo, afirma a organização, há risco de corte de energia elétrica e queima de equipamentos, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas. Os ventos são intensos (entre 61 km/h e 99 km/h).

Publicado originalmente por: G1

Moradores de toda a cidade registraram ainda muitos raios. Na noite de quarta, o Inmet havia emitido alerta de chuvas intensas e grau de “perigo potencial” para o DF. Em situações do tipo, afirma a organização, há risco de corte de energia elétrica e queima de equipamentos, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas. Os ventos são intensos (entre 61 km/h e 99 km/h).

Print Friendly, PDF & Email

Faça um comentário

Clique aqui para fazer um comentário