Redes sociais serão penalizadas se não combaterem ‘cyberbullying’

0

O governo do Reino Unido quer que empresas tecnológicas responsáveis por algumas das maiores redes sociais do mundo tenham uma postura mais ativa no combate ao ‘cyberbullying’, as obrigando a atribuir a determinadas contas as mais altas definições de privacidade.

“Queremos que existam regras para que as crianças possam estar seguras e sejam protegidas online. E no momento isso não está acontecendo”, contou ao The Sun o ministro responsável pelo Departamento para o Digital, Cultura, Mídia e Esporte, Matt Hancock.

Caso falhem em criar este tipo de proteções, as empresas poderão receber multas com valores que podem ir até 20 milhões de libras (cerca de 89 milhões de reais).

Por: Notícias ao Minuto

Compartilhe este artigo.

Sobre o autor

Deixe seu comentário