Beba água! Baixa umidade deixa DF em estado de alerta

0

Quem está aproveitando a folga deste sábado (11) em atividades ao livre, é melhor tomar cuidado com a hidratação. Nesta manhã, o Instituto de Meteorologia (Inmet) lançou um alerta de perigo em relação à baixa umidade. “O alerta de cor laranja, quando a umidade fica entre 20% e 12%, vale para todo o dia de hoje e indica um estado de atenção”, ressaltou o meteorologista Hamilton Carvalho. As chuvas, que caíram no DF depois de 81 dias de seca, não devem reaparecer, ao menos, até a próxima quarta-feira (15).

Segundo Hamilton, às 13h de hoje,  a umidade atingiu o índice de 19% e começou a subir. Por volta das 16h, que é considerada uma das horas mais quentes do dia, ela estava em 21%. Assim, o céu deve permanecer claro a parcialmente nublado. No início deste sábado, a temperatura mínima foi de 14,4º C. A máxima deve ficar por volta dos 30ºC.

Alerta Laranja

Para o Inmet, o alerta Laranja indica que que há “risco de incêndios florestais e à saúde”, como o ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz. Ele é o segundo na escala de perigo. Quando a umidade fica abaixo dos 12% é imposto o alerta Vermelho.

O aviso emitido hoje vale para todo o Distrito Federal, nordeste mato grossense e várias regiões de Goiás. O Inmet e a Defesa Civil recomendam beber bastante líquido, não fazer atividades físicas em exposição ao sol; e o uso constante de hidratante para a pele.

Baixa umidade leva Inmet a alerta sobre a necessidade de hidratação. Foto: Reprodução Inmet

Fim de semana seco

Na última quinta (09), a chuva surpreendeu muitos brasilienses logo no início da manhã. Durante a tarde daquele dia, a água caiu com mais força em vários locais, inclusive com queda de granizo em Taguatinga, como mostrado pelo JBr. Porém, o metrologista Hamilton avisa que essas precipitações foram apenas um alívio.

“Nesse final de semana, a temperatura continua alta e a umidade baixa. Fica dessa forma até quarta feira quando pode ser que a umidade aumente”, afirma.

Fonte: JBr

Compartilhe este artigo.

Sobre o autor

Deixe seu comentário