Cidade Cultura Entretenimento

Arte sem Fronteiras: exposição comemorativa pelos 50 anos do Guará/DF

Repórter: Élton Skartazini

Está tudo pronto para mais uma exposição coletiva do projeto ‘Arte sem Fronteiras: dos Muros para a Galeria’, sob a curadoria do artista plástico Gersion de Castro. A mostra, comemorativa dos 50 anos do Guará/DF, ocorre de 16 de maio a 18 de junho, na sede da Administração Regional. Reúne 50 obras de várias tendências e estilos, de artistas do Guará e demais Regiões Administrativas do DF e Entorno.

Entre @s artistas estão muralistas, grafiteir@s, artistas plástic@s e visuais, desenhistas e tatuadores. Muit@s dest@s acompanham o projeto desde 2011, quando ocorreu pela primeira vez. A experiência deu tão certo que nunca mais parou e hoje é o projeto de artes plásticas mais significativo do Distrito Federal. Tem várias ações realizadas, reunindo artistas consagrad@s e iniciantes, seja nas galerias ou nos muros das cidades.

Um dos ambientes do Arte sem Fronteiras é a rua em frente ao Espaço Cultural Cactus, ateliê e residência do Gersion de Castro, em São Sebastião/DF. Quem passa por ali em dias normais não acredita que aquela esquina já viu e viveu tanta arte. Além da rua já houve exposições marcantes na Galeria da LBV e na sede do Banco Mundial em Brasília. Agora se inicia um tour por várias cidades do Distrito Federal.

A mostra itinerante começa pelo Guará, a convite do Conselho Regional de Cultura. “Queremos valorizar a arte local e intercambiar conhecimentos com artistas de outras regiões”, diz Hamilton Zen, presidente do conselho. Eventos assim lembram que ‘temos a arte para não morrer da verdade’, como disse Friedrich Nietzsche. Projeto simples mas significativo, Arte sem Fronteiras tem muito chão pela frente.