Brasil Cultura Holístico Religião

O que é Ocultismo – O estudo de conhecimentos escondidos

 

 

Astrologia, alquimia, hermetismo. Essas ciências, seguidas por milhões de pessoas ao redor do planeta, não encontram apoio da comunidade científica tradicional. Todas, entretanto, têm uma coisa em comum: elas fazem parte do Ocultismo. Mas você já sabe o que é Ocultismo? Descubra mais sobre esse estudo a seguir!

O que é Ocultismo

Para saber o que é Ocultismo é necessário fazer algumas pontes sobre o significado de sua palavra. Então, se começarmos analisar o nome Ocultismo, é possível entender ele como uma referência a algo sombrio, mórbido, que deve ser feito às escondidas. E apesar da prática não tem nada de sombria, está mais para algo misterioso.

Porém, o seu significado não é nada além do estudo de conhecimentos escondidos. E na verdade, trata-se do estudo de práticas espirituais que não são de conhecimento geral. Ou seja, qualquer ritual religioso que não seja realizado publicamente é objeto de estudo do Ocultismo. Está entendendo o que é Ocultismo? Então, continue acompanhando!

 

Religiões escondidas – Entendendo o que é Ocultismo

Religiões em que apenas os iniciados têm acesso aos seus conhecimentos e práticas, podem ser consideradas parte do Ocultismo. Nesses casos, geralmente, acredita-se que a propagação desse tipo de conhecimento é perigosa para uma comunidade ou mesmo para a humanidade.

Há ainda aquelas religiões que acreditam que as pessoas devem ser protegidas dos rituais ocultos, pois esses ritos podem colocar sua saúde em risco, caso sejam realizados de forma errada. Outro foco para entender o que é Ocultismo são os rituais frutos de orientações divinas direcionadas a apenas alguns poucos privilegiados.

Os ocultistas renascentistas, por exemplo, achavam que a natureza é um livro escrito por Deus e que, ao longo deste livro, há várias pistas e mensagens que só podem ser decifradas por pessoas merecedoras e com a formação acadêmica necessária.

Por fim, outras definições comuns de Ocultismo são magia, manifestações sobrenaturais e paranormalidade. Como se pode ver, definir o que é Ocultismo não é tarefa simples. Há vária vertentes de Ocultismo existentes, umas bem diferentes das outras. O que une todas elas é a tentativa de seus adeptos de esconder o que acontece durante os rituais.

Práticas, religiões e rituais – Entendendo o que é Ocultismo

Conseguiu compreender o que é Ocultismo até aqui? Sim? Não? Então, vamos fazer uma explicação mais prática e detalhada para que não entendeu. E aos que estão conseguindo acompanhar, poderão ficar mais dominante em relação às vertentes dessa prática.

Hermetismo – Um sistema teológico e de filosofia mística que se desenvolveu por volta do século 200 depois de Cristo. Aos que querem saber o que é Ocultismo tem de aprender que o hermetismo é uma junção das crenças relacionadas ao deus grego Hermes com o deus egípcio Thor. Ambos estão relacionados ao poder da comunicação, já que Hermes era o deus-mensageiro do olimpo, enquanto que Thor era o deus dos escribas (responsáveis por escrever as normas da nação egípcia).

Astrologia – Estudo da posição dos corpos celestes e sua influência sobre a personalidade dos seres humanos. A astrologia existe há mais de cinco mil anos mas, apesar disso, apenas o Brasil e a Índia possuem cursos universitários de astrologia.

Alquimia – Pano de fundo de inúmeros livros, filmes e programas de TV, a alquimia também é uma prática ocultista. Ela mistura conhecimentos de química, antropologia, astrologia, filosofia, metalurgia e matemática para transformar metais simples em ouro.

Esse não é, entretanto, o foco maior da alquimia. Seu objetivo final é o de obter o “elixir da vida”, uma substância que daria vida eterna aos que a utilizassem.